O que é isto?

Quer saber quando este blog é actualizado?

merda no sapato: Natal

sexta-feira, dezembro 23, 2005

Natal


Renas? Trenós? Presépios? Luzes? Árvores de natal? O Natal para mim é como o Carnaval, sem a parte do Pai natal... e as outras coisas. É mesmo revoltante, deprimente. É por isso que decido todos os anos ficar em casa com a família, só juntos conseguimos superar tudo isto. Sabem, o que me revolta mais é que se idoletram falsos ídolos. É tudo tão falso e vago. O que é feito do menino jesus, o que é feito dos reis magos, o que é feito do Ecoman? Pai natal? Ninguém me convence que o Pai natal não é o Avô cantigas. Já desde miúdo que tenho esta suspeita, mas o pessoal com quem ando goza-me e diz que não, que isso não é possível, que são completamente diferentes. Não compreendo, é tão óbvio! É só preciso ter olhos na cara. Outra coisa que não percebo é porque é que de cada vez que digo isto me batem e chamam nomes, muito menos porque é que só o fazem umas horas depois, semanas depois ou até mesmo no dia ou semana anterior, vezes e vezes sem conta. Lembro-me que ainda há pouco tempo me meteram dentro de um contentor do lixo. Para a minha sorte no aterro lá resolveram que eu era bio-desagradável. Salvei-me de boa, pelo menos foi o que pensei, até o Senhor Joaquim, o camionista lá do sítio me fazer uma visita guiada à incineradora.
Hoje falo-vos como um defunto, aliás esse é o motivo pa ter estado tanto tempo sem escrever, e digo-vos, o natal é uma fantochada, é tudo uma invenção com fins comerciais. O pai natal nem sequer existe, o avô cantigas também não. Nunca ninguém pós os pés na lua, aliás a lua não passa de uma gigante bola de queijo flamengo.

Tenho dito.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Where did you find it? Interesting read »

2:11 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

That's a great story. Waiting for more. » » »

12:28 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home