O que é isto?

Quer saber quando este blog é actualizado?

merda no sapato: Março 2005

quinta-feira, março 17, 2005

Reposição - Quem quer

ser mais ou menos assim assim?

O Computador do escritório da redacção do Merda No Sapato tivera uma pequena avaria e daí a ausência demorada, felizmente e outravez com as teclas ";" e "W" no teclado é-no possível por fim postar. Dado aos inúmeros comentários no artigo anterior, e numa espécie de homenagem aos nossos leitores decidiu repor-se um texto, que tivera, também ele uma enorme aceitação por parte do público. Ora aqui está ele:

[A classe média infelizmente em Portugal é reduzida. Muitos economistas afirmam que esse é um dos principais entraves ao desenvolvimento do nosso país. O estado de crise reflecte-se em todos os sectores da sociedade, como na RTP, por exemplo.
Dado aos recentes cortes orçamentais governamentais á estação, esta viu-se na necessidade de cancelar alguns dos seus projectos para o ano de 2005.
O Merda no sapato teve acesso á lista dos programas previstos que nunca virão a ser emitidos. Dentro dela encontrava-se um novo formato do "Quem quer ser milionário?" que teria como principal objectivo tornar os seus participantes, vindos maioritariamente de classes sociais mais baixas, em membros da classe média. Iria chamar-se "Quem quer ser mais ou menos assim assim?" e contava com a apresentação desse ilustre senhor das variedades que é Jorge Gabriel.
O programa esteve quase a ser realizado, foi até feita um programa-piloto mas, que no entanto, nunca veio a ser emitido. Deixámos aqui um extracto do dito programa:

"
Jorge Gabriel - Olá boa noite! O meu nome é Jorge Gabriel, bem-vindos á primeira emissão do Quem quer ser mais ou menos assim assim? Este novo formato destina-se a pessoas da classe baixa e média-baixa e tem como finalidade melhorar os seus níveis de vida. As regras do concurso são simples e bastante semelhantes ás do Quem quer ser milionário?. Mas antes de falarmos nisso vamos conhecer os nossos concorrentes de hoje!
Temos o José Guilhermino Fonseca, vem da Guarda, tem 36 anos e é agricultor. A seguir Tomás Agrião de Vila, é assistente de mecânico, tem 27 anos e é de Vilar Formoso. De seguida está Joaquim Fernando Pereira, médico logista, tem 12 anos e vem do Brasil, mora em Alcains.
Depois Maria Patrocínia de Jesus Nespereira, é empregada de limpeza, tem 43 anos e mora em Santo Tirso. Para finalizar: Virgília Otília Milene Coelho, doméstica, tem 32 anos, Vila Nova de Famalicão.
A pergunta para hoje é bastante simples. Lembro-lhes que têm apenas 40 segundos para respondere. O primeiro a terminar de uma forma correcta será o participante final de hoje. Boa Sorte!
(...)
Então a pergunta é a seguinte: Ordene os números por ordem alfabética:
A- UM, B- DOIS, C- TRÊS, D- QUATRO.
(...)
As respostas já foram dadas. Vamos ver o quadro. (...) Ora, pelo que me foi dado a ver pelo quadro, todos falharam. Vamos pois por isso escolher quem demorou menos tempo a errar. Esse alguém é:
- com o incrível tempo de 2,34 segundos... - Maria Patrocínia de Jesus Nespeira. Parabéns! Junte-se, a nós, por favor!
(...)
Hmm... Deverá sentar-se na cadeira e não no visor... Ok... muito obrigado. Muito mais confortável, não?


Maria Nespereira - Sim, sim. Muito Obrigado!


Jorge Gabriel - A Maria vem de Santo Tirso não é verdade?


Maria Nespereira - É sim...


Jorge Gabriel - Fale-nos um pouco da sua terra!


Maria Nespereira - Pois, então Santo Tirso é uma cidade conhecida pelos seus... hmm... pela sua... ahm... gosto muito da minha cidade até porque... é calminho e... até tem lá uma igreja onde costumo ir aos domingos. Chego inclusivamente a orar, o que é deveras divertido! É tudo muito fresquinho! Gosto muito!
A feira é bastante conhecida pois vende roupa muito barata... comprei lá umas cuecas lindas, estavam em promoção. Passo já a mostrá-las.


Jorge Gabriel - Ahm... Não, deixe estar! Não, eu disse para deixar estar! Oh Não... o Horror!


Maria Nespereira - Também tinha outros modelos mas não me serviam. Não gosta? Olhe que eu podia fazê-lo um homem muito feliz!


Jorge Gabriel - Sim... gosto... gosto muito. Vamos fazer um curto intervalo, acho que me veio um bocado de vómito á boca!

(...)
Jorge Gabriel - Bem-Vindos de volta ao nosso programa. Aqui estámos nós com a presença de Maria Nespereira de Santo Tirso. Antes de começarmos passo a explicar as regras do programa:
Cada concorrente tem direito a três ajudas, são elas: a da vizinha beata, a dos 50-50 e a ajuda da aldeia, que está presente no público.
Á medida que vá acertando vai subindo a escala dos prémios.
Existem três fases intermédias a dividirem as etapas, à medida que termine cada uma delas ganha o direito a obter o prémio máximo estabelecido para essa etapa, mesmo falhando nas perguntas subsequentes.
Caso queira desistir fica com o prémio da última etapa. É simples, vamos começar.

Primeira pergunta, para um quilo de arroz:
Qual a capital de Espanha?

A- Francisco
B- Bruxelas
C- Mosteiro dos Jerónimos
D- Madrid

Maria Nespereira - Bem, pensei que a primeira iria ser mais díficil. Esta é mesmo óbvia. Francisco não é porque esse é o meu cunhado, por acaso está ali na plateia. É o de dentes! Bruxelas também não é porque isso é nome de couve, couve essa que por acaso aprecio muito. A resposta C é só mesmo para confundir. Imagino que esse tal de Mosteiro seja alguém importante, mas não me parece que seja a sua capital, quanto muito da sua família. Vou apostar em Madrid, recordo-me de ter ouvido falar nela na TV. Sim... vou escolher essa!


Jorge Gabriel - Uhm... mas... ok. É para bloquear?


Maria Nespereira - Sim, senhor!


Jorge Gabriel - Ok. Está bloqueado. Vamos ver... Sim! A resposta está certa! Parabéns! Você usou um racíocinio estranho, mas o que é verdade é que acertou. Deseja então continuar? Obviamente.


Mª Nespereira - Sim, claro! Estou aqui é para aparecer na Televisão.


Jorge Gabriel - Assim seja! Próxima pergunta, para um jogo de talheres:
Complete o provérbio: Quanto mais depressa mais...

A- Devagar
B- Intenso é o cheiro a borracha queimada.
C- Motorizada de 500 c.c
D- Depressa.

Mª Nespereira - Essa também me parece fácil. Desde pequena que sou boa em provérbios, aliás foi assim que conquistei o meu marido!


Jorge Gabriel - Com os provérbios?


Mª Nespereira - Sim senhor. Eu era de todas as donzelas a que melhor recitava nessa arte que é o provérbio. Foi isso e a caçadeira que o meu pai lhe apontou á cabeça pela altura do baile na romaria, momento em que o pedi em casamento. Sempre atencioso esse meu pai! Ah! Que Deus o tenha em Sossego!


Jorge Gabriel - As minhas condolências...


Mª Nespereira - Uih?! Não peguei nelas!


Jorge Gabriel - Uhm... Ok... então o que vai responder, afinal?


Mª Nespereira - Na resposta A, apesar de concordar com a B. Eu bem digo isso ao meu marido mas ele não abranda, depois queixa-se que os pneus do carro estão carecas. Claro! Enfim... é a resposta A!


Jorge Gabriel - Ok! Vamos bloquear! (...) Está certo! Muito bem! Está no bom caminho. Próxima pegunta, para um passe anual de autocarro da Pacense:
Quem descobriu o Brasil?

A- Cristovão Colombo
B- Vasco Santana
C- 2 doses de penicilina
D- Pedro Alvres Cabral


Mª Nespereira - Bem... Agora estou um pouco na dúvida. O primeiro sei que não é porque é um centro comercial aqui em Lisboa onde até comprei uns sacos de plástico para um dia mais tarde, quem sabe, meter as compras.
Vasco Santana deve ser alguém da família do nosso antigo primeiro-ministro. Ora só restam duas opções: a C e a D. Destas duas penso que será uma delas... Estou mais inclinada para as 2 doses de penicilina, mas isso não quer dizer nada, aliás é só uma questão de mudar a posição em que estou sentada. Pronto já está... Pedro Alvres Cabral tem nome de alguém que descobre coisas, mas não sei. O nome parece de alguém muito antigo... e não me parece que antigamente existissem pás para escavar... a não ser que ele descobrisse aquilo escavando com as próprias mãos - o que era no mínimo chato! Bem... acho que vou usar a ajuda dos 50-50.


Jorge Gabriel - Muito bem... é uma escolha sensata. Vamos então eliminar duas respostas... Ok. Só sobraram duas alternativas de resposta:
A- Cristovão Colombo
B- Pedro Alvres Cabral.

Mª Nespereira - Pois... não me ajudou grande coisa. Acho que vou arriscar na resposta C.


Jorge Gabriel - Mas... mas a resposta C já foi eliminada! Só restam a A e a B!


Mª Nespereira - Pois, é que eu nunca aprendi muito bem isso das letras. Não era própriamente uma boa aluna lá na escola! É! Isto está complicado... bem... como eu gosto de arriscar, vou optar pela resposta: Pedro Alvres Cabral.


Jorge Gabriel - Tem a certeza? Olhe que lhe restam outras ajudas!


Mª Nespereira - Tenho sim, bloqueie.


Jorge Gabriel - Já está. Boa sorte! (...) Está certo! Muito bem, continua no bom caminho! Acabou de atingir a 2ª etapa, isso quer dizer que independentemente de acertar ou errar tem desde já garantido o passe anual de autocarro!


Mª Nespereira - Que bom! Estava mesmo a fazer-me falta. Estou cheinha de calos nos pés de andar para a frente e para trás, mas não quero ficar por aqui!


Jorge Gabriel - Muito Bem! É o tipo de discurso que mais gostamos, adoramos concorrentes ambiciosos. Prosseguindo, para um conjunto de roupas de Inverno:
Qual destes países aderiu á UE o ano passado?

A- Arménia
B- Marca de detergente
C- Eslováquia
D- Républica Federal de lado nenhum.

Mª Nespereira - Agora sim isto começa a complicar-se... A resposta A não é porque é o nome de uma senhora e não de um país. Marca de detergente acho que já ouvi falar na televisão, acho que até é de lá que vêm os detergentes. A C não me parece e a D também não porque isso fica perto de minha casa. Acho que é ao pé dos "Quintos do Caralho mais velho" quem vai para "O cu do mundo". Por mim não arriscava em nenhuma...

Jorge Gabriel - Mas tem de arriscar, lembre-se que ainda lhe restam duas ajudas.


Mª Nespereira - Pois, tem toda a razão. Acho que vou então pedir a ajuda da vizinha beata.


Jorge Gabriel - Assim seja! Ela está no público, chamo até junto de nós a Madalena Gonçalves!


Madalena Gonçalves - Boa Noite!


Jorge Gabriel - Boa Noite! Daqui fala Jorge Gabriel do Quem quer ser mais ou menos assim assim? Está aqui a participar a sua amiga Mª Nespereira, que está com uma dúvida, ela vai fazer-lhe a pergunta. Tem 20 segundos para responder. Boa Sorte!


Mª Nespereira - Olá Madalena, então a pergunta é a seguinte: Qual destes países aderiu á UE o ano passado?

A- Arménia
B- Marca de detergente
C- Eslováquia
D- Républica Federal de lado nenhum

Madalena Gonçalves - Hmm, não tenho a certeza... mas consta-se que a A não é, até porque a Arménia desde que meteu os cornos ao marido fugiu com o amante, ao que dizem, para a França.
A B não me parece porque isso se bem me valha a memória não é na Europa. A D não deve ser... essa andava metida na droga e até já deve ter morrido. Eu cá ia para a C!

Mª Nespereira - Ok amiga, obrigado! Olha o tempo está a acabar, vais ter de sair.


Madalena Gonçalves - Está bem. Boa sorte! Beijos!


Jorge Gabriel - Então vai arriscar no palpite da Madalena?


Mª Nespereira - Sim... ela costuma saber destas coisas... costuma estar atenta... ela, ela sabe de coisas!

Jorge Gabriel - É para bloquear a C, portanto?


Mª Nespereira - Exacto!


Jorge Gabriel - Está certo. Faltam apenas quatro questões. Para uma televisão a cores: Quem é o actual presidente da ONU?

A- Jurandir Coelho Fabrício
B- Isaac Newton
C- Maria de Medeiros
D- Kofi Annan

Mª Nespereira - Bem... esta é que eu não sei mesmo... não costumo ligar muito a isso do nudismo, mas não tenho preconceitos nenhuns. Se eles lá gostam de estar Ao Nu o problema é deles!

Jorge Gabriel - Mas eu disse ONU!


Mª Nespereira - Pois, eu também! Olhe acho que vou pedir a ajuda da aldeia.


Jorge Gabriel - Ok. Já agora - você de que aldeia é mesmo?


Mª Nespereira - Eu moro na freguesia da Lama, quem vem de Areias para Santo Tirso. É ao pé de Burgães e das Caldas, um pouco antes de São Tomé de Negrelos que é lá para os lados de Riba D`Ave.


Jorge Gabriel - Mais concretamente em Marte, portanto...


Mª Nespereira - Pois, lá isso eu não sei, mas acho que mora para lá uma Marta. Ela é nova, casou e veio para a nossa freguesia. É bom ter gente nova, sabe? Mora ao pé do Zé da Burra e da Gateira, se não me engano. É boa gente, pena os filhos serem drogados.


Jorge Gabriel - Pois... estou a ver. Bem... peço, portanto, á aldeia da Lama que vote no dispostivo que têm á vossa frente. É fácil, não há que enganar.
(...)
Feitas as votações vamos ver os resultados. Então é assim... 20% votou na resposta A. Na B votaram 67%. Na C 12% e na D 1%.
Qual resposta vai escolher? Vai seguir o palpite do público, ou prefere ser você a escolher?


Mª Nespereira - Não! Vou pelo palpite do público!


Jorge Gabriel - Então bloqueio a B, é isso?


Mª Nespereira - Não! Não! Muito pelo contrário. Eu como sei que os lá da minha terra são burros como uma porta acho que vou seguir exactamente o contrário. Portanto... voto na D que teve 1%.


Jorge Gabriel - Muito bem! Vamos bloquear. Você está com muita sorte, pois mais uma vez o seu palpite está... certo! Olhe eu já estou aqui meio cansado... Você está a sair-se bem, é simpática e que tal irmos logo para a questão final? É que daqui a pouco tenho que apresentar outro programa e eu hoje gostava de ir para casa, já não durmo há quase três anos e estou a ficar com saudades da família.


Mª Nespereira - Ok! Por mim tudo bem...


Jorge Gabriel - Pergunta final, para um vale de compras no valor de 10500 Euros nas cadeias dos supermercados LIDL:



Mª Nespereira - Eu não conheço nenhum muçulmano, se quer que lhe diga até julgava que eles não limpássem o cu, pelo menos os marroquinos, que têm sempre aquela nuvém de moscas atrás de si, até julguei derivásse daí. Confesso que costumo mais limpar-me ao papel higiénico, mas quando isto da crise aperta até o limpo á parede se fôr preciso.
Á mão já não o faço há algum tempo, se quer mesmo que lhe diga, acho que a última foi "p`raí" á uma semana. Geralmente limpo com a direita, mas, pronto... os muçulmanos não sei.
Isto das três mãos também está a fazer-me um bocado de confusão, está bem que eles são "grandes" - e eu que o diga que fiquei presa há coisa de um mês com o Adbul e o Mohammed dentro do elevador, mas ao ponto de terem dedos! Eu não senti dedos nenhuns, mas pronto!
A D não faz sentido, ok que grande parte dos terroristas são muçulmanos e que são autênticos animais, mas agora estar aqui a dizer que têm mãos anteriores, caramba! Eles não são nenhuns mutantes! Deus quando nos fez-nos a todos iguais, por amor de Deus! Isto é quase um insulto, não ia ficar nada contente se fosse muçulmana, digo-lhe já!
Acho que vou optar para a resposta B, que é para onde estou inclinada! Sim... é isso! Escolho a B! Seja o que Deus quiser!

Jorge Gabriel - A sua perspicácia surpreende-me. Bem... Vamos bloquear então. É a hora da verdade... Não fique nervosa, mesmo que esteja errada leva sempre um bom prémio: Uma cama de casal! Pronto... não quero deixá-la mais nervosa do que já está realmente... Está bloqueado... E a resposta está... está certa!! Incrível! Os muçulmanos limpam de facto o cu com a mão esquerda, porque a mão direita serve para cumprimentar e não o aceitam fazer com uma "mão impura".
Acertou! Leva para casa um vale de compras no valor de 2500 Euros nas cadeias dos supermercados LIDL.

Mª Nespereira - Hein? 2500 Euros?? Mas não tinha dito 10500??!
"]

quarta-feira, março 09, 2005

Testemunho do Redactor - Hoje de manhã

Hoje de manhã acordei com uma sensação estranha. Sabem, aquela sensação dos arrumadores de carros quando acordam, olham para o relógio e então percebem que estão atrasados para o trabalho, saem a correr da sua vivenda de cinco assoalhadas, está a chover a potes, têm um relógio de parede na testa, a piscina está a transbordar de água, há gnomos mágicos no pátio, o jornal de hoje é o de amanhã, e o cláudio ramos está a tocar à campainha?
Pois bem, foi isso que eu senti isso hoje de manhã... algo definitivamente estranho!